Sobre a autora

Francine Guilen tenta escrever uma história há mais de 15 anos. Numa noite [felizmente] insone e [felizmente] chuvosa achou que se ocupar escrevendo um blog sobre não conseguir escrever foi a melhor desculpa que já inventou para não conseguir escrever.

Desde o começo, esse blog se propôs a ser um lar de autoajuda metalinguística para todos os escritores e criadores que perderam o caminho que leva até o interruptor. É por isso que durante 10 anos seu nome foi Palitos de Fósforo. 

Desde 2017, ele leva o nome da autora, porque ela descobriu que no fim das contas nenhuma história é pronta, afinal. E decidiu que você não precisa ter uma história pronta para se considerar uma autora com nome próprio.

°°°

Quer mais?

Então olha o que eu faço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Proudly powered by WordPress
Theme: Esquire by Matthew Buchanan.