Falando para as moscas

E moscas não comentam, apenas olham para você com uma inconfundível cara de mosca morta.

Às vezes vocês também sentem que perderam o bonde da blogagem? Que seu blog era um relativo sucesso no início dos anos 2000, mas quem se importa, o bug do milênio também era um tremendo sucesso e ninguém nunca mais falou nele? E que agora você continua escrevendo só porque gosta muito dessa coisarada toda de palavras e sentenças jogadas para o mundo pelos seus dedos?

Tantos pontos de interrogação e nenhuma respostinha. Deixem estar, leitores invisíveis. Vocês podem não me dizer nada hoje, mas o tempo dirá.

time_will_tell

Tempo, esse senhor tagarela e um pouco fofoqueiro.

 

 

2 Replies

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.