pizzaria também é tendência.

Eu tenho uns rascunhos salvos aqui. E de vez em quando acho divertido abrir a pasta de rascunhos pra ver o que tem por lá. Fuçar o que foi que salvei como rascunho de algum post que comecei a escrever e desisti por alguma razão. Hoje encontrei esse rascunho aqui:

vá comer fora com um grupo de gentes diferentes. é batata (não, é mussarela :D): quem pede calabreza, se contenta com ser . Acho que os cardápios de pizzarias

Não faço ideia da linha de raciocínio que eu queria seguir nesse post. Se queria comparar pessoas com tipos de pizza ou coisa parecida. Será que eu queria dizer que gente que pede sabor exótico é exótica, ou gente meio a meio é mais criativa? E quem pede calabresa (com Z), coitado? Só por que pede calabreza quer dizer que ele se contentava com ser pouca coisa?

Como a Francine do passado era intolerante. Ou ruim de metáfora, sei lá.

É terrível conviver com a ideia que daqui a 2 minutos eu também serei a Francine do passado.

pizza-pops

E essas pizza pops lindas que achei pra ilustrar esse post? 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Proudly powered by WordPress
Theme: Esquire by Matthew Buchanan.